Função social do artista: qual o papel da sua criatividade nas lutas que você acredita?

Apesar de estarmos acostumados a relacionar criatividade com tecnologias, projetos profissionais ou realização pessoal, precisamos nos lembrar que ela é bem mais do que isso, ela traz uma função social do artista. A criatividade é uma ferramenta poderosa de impacto social – e como é bom saber que temos ela nestes momento que estamos vivendo!

Fala a verdade aqui para mim, qual foi a última vez que você pensou em usar suas habilidades criativas para qualquer coisa além do trabalho? 

Entre tantos acontecimentos tristes que rolaram nas últimas semanas, casos de racismo escancarados, negligência com a saúde vinda do governo e da população, além dos níveis de estresse que estão lá no alto por conta das incertezas de viver uma pandemia, me peguei pensando se estamos explorando toda a força criativa para o bem. Aliás, a reflexão é: será que sabemos que nossa criatividade é capaz de transformar mais do que a vida profissional? 

Quem cria alguma coisa, cria por algum motivo. Quais são as suas razões?

O potencial criativo da humanidade foi o principal responsável por permitir a criação de toda a estrutura que desenvolve e sustenta a nossa sociedade. No meio de tantas capacidades humanas, a criatividade é uma daquelas que nos difere dos outros animais. Aliás, somos diferentes dos bichinhos porque podemos imaginar e temos opiniões. Para mim, aqui já está claro como criatividade e ideais andam juntos. 

Olhe agora para o lado, você vai perceber a dimensão do que estou falando! Tudo o que existe ao seu redor, sejam os smartphones, suas roupas, seu trabalho, suas obrigações como ser humano, sua rotina, tudo isso já foi apenas uma ideia na mente de alguém. Toda a essência da nossa sociedade surgiu da ideia de uma ou mais pessoas.

Pessoas. É tudo sobre pessoas!

Criatividade fala DE, COM e PARA pessoas!

Uma forma de direcionar a criatividade para destacar movimentos que merecem espaço na nossa vida é a produção de conteúdo. Com o potencial da internet, fazer publicações é uma maneira de informar outras pessoas sobre o que está acontecendo e atrair aqueles com interesses em comum. A hashtag #blackouttuesday é um exemplo de iniciativa criativa para propagar um movimento. Bem ou mal, todo mundo ficou atento ao impacto dos quadrados pretos.

Como você pode usar sua criatividade para criar um impacto que vai além das mídias digitais?

A função social do artista (leia-se criativo) não é só vender ou criar produtos bonitos e diferentões: é mostrar o porquê deles existirem!

Toda pessoa que tem a capacidade de criar alguma coisa, é capaz de despertar sentimentos – bons ou ruins – nas pessoas. E isso é muito grande! Por isso, ter consciência na hora de produzir é essencial.

Pensando no lado mais artístico da história, toda criação é uma representação. Aristóteles falava sobre como as artes podem ser materiais de educação para os valores do homem livre e suas ações nobres e como as obras artísticas podem imitar a natureza, mas também podem abordar o impossível, o irracional e o que não é verdadeiro.

O artista e a criatividade servem à sociedade como uma ferramenta de crescimento, não só intelectual, mas de engrandecimento do ser humano. Por algum motivo um cara lá atrás foi e deixou sua mão na caverna, pintou um animal na parede, dançou em volta de uma fogueira. Por alguma alguma razão nós sempre fomos criativos. Eu não acho que seja só por ser.

Um outro ponto que precisamos entender é que não tem essa de “uma pessoa ser mais artista/impactante do que outra”. Um indivíduo que é conhecido no Brasil inteiro não é mais importante do que o cara que só cria para o grupinho de amigos dele. A partir do momento que você aplicou sua criatividade para qualquer que seja o objetivo, você desempenhou seu papel. 

Uma pessoa criativa pode utilizar as ferramentas que têm para gerar impacto social por meio da sua criatividade 

O intuito é buscar inovação para ampliar o impacto social. Se você tem uma causa que acredita, como pode ser criativo ao falar sobre ela? As pessoas são resistentes à ela? Como essa resistência pode ser quebrada? Você pode pensar em maneiras criativas de chamar atenção de alguém que é leigo no assunto. Conversar na mesa do bar, postar um texto na internet ou compartilhar um conteúdo interessante é massa, mas e se você utilizar um mapa mental para pensar em atividades que ainda não são exploradas? Abuse das técnicas! 

Exemplo prático: a criatividade pode ser um caminho para você trazer todo o conteúdo bacana que consome online para fora da sua bolha. Como ser criativo ao mostrar para uma pessoa que não tem acesso a internet (e já não acredita mais nos jornais) a importância dela se prevenir contra o novo coronavírus? 

A função social do artista não é apenas produzir a beleza, nem é deixar tudo em seu lugar, como sempre esteve. A criatividade nasce de questões propriamente humanas e, em um momento como esse que estamos vivendo, te convido a pensar em qual é o seu papel na mudança. De que forma você pode usar a sua criatividade para contribuir para que os outros enxerguem o que precisa ser visto?

https://www.instagram.com/p/CA-0T_aB89q/

É claro que um artista não vai salvar o mundo por meio de uma arte – o buraco é bem mais embaixo – mas ele pode representar a situação e despertar o desejo da mudança. Quando você usa a criação para resgatar memória e contextualizar, cria uma nova possibilidade de futuro para quem está vendo. Com criatividade tudo pode ser colocado em evidência: fatos históricos, aprendizados e todas essas que são importantes para que a gente escreva uma nova história. Criar com foco e consciência, não esqueça! 

Gosta de ler sobre criatividade? Então, você precisa ler o e-book Criar, Criatividade, Criando. É grátis! Comente seu e-mail que enviarei para você. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *